Share |
29/11/2014

Bio-bus: o ônibus movido a fezes e lixo da Inglaterra

Tetra Pak
SustentArqui

O Bio-bus, primeiro ônibus do Reino Unido movido por fezes humanas e lixo orgânico, entrou em circulação essa semana entre as cidades de Bristol e Bath. Apelidado de Poo-Bus (algo como ônibus de fezes), o veículo possui 40 lugares , tem autonomia de 300 km por tanque e, para abastecê-lo é necessário o combustível do lixo produzido por cinco pessoas durante um ano.

Como funciona o Bio-bus ?

1) O gás é gerado através da digestão anaeróbia – onde as bactérias degradam a matéria orgânica biodegradável em um ambiente sem oxigênio para produzir um biogás rico em metano.

2) Para alimentar um veículo, o biogás é submetido a um processo, onde o dióxido de carbono é removido e o propano é adicionado

3) As impurezas são removidas para produzir emissões praticamente sem cheiro. – O gás comprimido é armazenado em tanques na cobertura do Bio-Bus.

4) Seu motor tem design semelhante aos ônibus convencionais.

5) Em comparação com os veículos a diesel convencionais, emite até 30% menos de dióxido de carbono.

6) O desperdício de alimentos e de esgoto anual de um único passageiro pode abastecer o Bio-Bus por 37 milhas (60 km)

A vantagem ecológica do bio-bus, além de ser menos poluente, é a possibilidade de dar um destino útil ao esgoto e ao lixo orgânico. O lançamento do ônibus na cidade é bastante apropriado, já que Bristol será a Capital Verde da Europa no ano que vem. Na estação de tratamento da cidade é processado cerca de 75 milhões de metros cúbicos de esgoto e 35 mil toneladas de lixo doméstico por ano. Um total de 17 milhões de metros cúbicos de biometano, o suficiente para abastecer 8.300 casas, é gerado anualmente através do processo de digestão anaeróbia.