Share |
21/06/2014

Copa do Mundo e Sustentabilidade

Tetra Pak
FIFA

A Copa do Mundo da FIFA™ é a maior competição esportiva de uma única modalidade do planeta e o impacto dela na sociedade e no meio ambiente é indiscutível. Na realização de um evento internacional como esse, devem ser levados em conta todos os aspectos necessários para garantir que sua abordagem seja equilibrada e os resultados sustentáveis. A FIFA e o Comitê Organizador Local (COL) consideram esses fatores com sériedade e se comprometem em realizar uma competição sustentável no Brasil em 2014.

Graças ao seu alcance global, a Copa do Mundo da FIFA™ é capaz de oferecer, mundialmente, uma plataforma exclusiva para atrair atenção e conscientizar o público em relação a certas questões sociais e ambientais. Considerando o interesse e as expectativas despertadas por um evento desse tipo nas diversas entidades envolvidas, gostaríamos de aproveitar ao máximo essas oportunidades e otimizar os resultados positivos da Copa do Mundo. Portanto, é essencial que a FIFA e o COL definam objetivos claros, ambiciosos e, ao mesmo tempo, realistas para seu trabalho.

A Estratégia de Sustentabilidade da Copa do Mundo da FIFA 2014™ irá guiar nossos esforços na realização de um evento sustentável, nos auxiliando a alcançar um dos elementos centrais da missão da FIFA: a construção de um futuro melhor.

Alguns exemplos de atividades selecionadas:

• Instalações ecológicas: Muitos estádios no Brasil planejam obter a certificação LEED de construção ecologicamente correta. Muitos estão instalando painéis solares nas coberturas para gerar energia renovável. Além disso, a FIFA e o COL vão oferecer aos administradores dos estádios cursos certificados de capacitação em gestão sustentável.

• Gestão de resíduos: O objetivo da nova lei de resíduos no Brasil é um melhor controle do manuseio e destino do lixo. A FIFA e o COL serão responsáveis pela gestão de resíduos nos estádios e outros locais, em conformidade com as novas regulamentações, além de promoverem a reciclagem em colaboração com cooperativas locais.

• Treinamento de voluntários: Trabalhar como voluntário na Copa do Mundo da FIFA 2014 e receber o mundo no Brasil será uma experiência inigualável para todos os participantes. A FIFA e o COL organizarão módulos de capacitação para complementar o treinamento básico dos voluntários e ajudar a alavancar oportunidades de emprego para os participantes no futuro.

• Apoio comunitário: Diversas organizações locais no Brasil estão superando desafios sociais nas suas comunidades com a ajuda do futebol. A FIFA e o COL apoiarão essas organizações com recursos e know-how por meio da já estabelecida iniciativa "Football for Hope".

• Mudanças climáticas: O aquecimento global é uma das questões mais prementes do nosso tempo, e um dos principais fatores responsáveis pela mudança de temperatura é o dióxido de carbono (CO 2) liberado na atmosfera como consequência das atividades dos seres humanos. A FIFA e o COL estimarão a pegada de carbono da Copa do Mundo da FIFA e desenvolverão medidas para evitar, reduzir e compensar as emissões.

• Capacitação: Por meio da sua iniciativa "Football for Hope", a FIFA vai organizar diversos fóruns com organizações comunitárias no Brasil e no exterior para discutir e trocar experiências sobre o uso eficaz do futebol como ferramenta para superar os desafios sociais.

• Prestação de contas: A FIFA e o COL produzirão em conjunto um relatório completo de sustentabilidade de acordo com as Diretrizes de Elaboração de Relatórios de Sustentabilidade e o Suplemento do Setor de Organizadores de Eventos da Global Reporting Initiative (GRI).