Share |
05/09/2012

Veja oito dicas de como melhorar a postura em sala de aula


http://revistaescola.abril.com.br

Na sala de aula você circula pela sala, fica em pé, procura chamar a atenção da turma para o que está falando e permanece sentado por poucos minutos, certo? Os intervalos entre as aulas e os momentos para descanso também costumam ser raros. Esta rotina pede que o professor tenha alguns cuidados com sua postura, o que evita problemas de saúde e até o afastamento do trabalho. Queixas como torcicolos, dores na coluna e tensões no músculo trapézio superior (aquele logo abaixo do pescoço, que fica enrijecido quando estamos tensos) costumam atrapalhar o dia a dia dos professores. Um estudo feito com profissionais da rede municipal de Salvador mostrou que as reclamações são bastante frequentes: 41,1% dos professores têm dores frequentes nas costas e 23,7% nos braços. Muitas vezes estes problemas derivam da repetição de movimentos errados que, com a frequência e o tempo, podem se transformar em dores e inflamações.

Veja no site da Nova Escola oito dicas para evitar problemas de saúde relacionados à coluna e à musculatura corporal. A consultoria é de Gabriel Lahóz Moya, fisioterapeuta da Sanitas Corpus e mestre pela Faculdade de Medicina da USP.